Portal da Cidade Paranavaí

Política

Dois vereadores de Paranavaí são cassados; partido é acusado de fraude

Decisão da Justiça Eleitoral diz que o partido fraudou a cota de gênero, que exige a candidatura de no mínimo 30% e no máximo 70% de cada sexo

Postado em 04/06/2021 às 10:40 |

Valmir Trossini e Luiz Aparecido da Silva (Mancha da Saúde) eleitos pelo PSB, terão os mandatos cassados. (Foto: Reprodução/ Câmara Municipal de Paranavaí)

Os vereadores Valmir Trossini e Luiz Aparecido da Silva (Mancha da Saúde), eleitos pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) de Paranavaí, tiveram os diplomas cassados por decisão da Justiça Eleitoral, no último dia 1°, sob acusação do partido ter fraudado a cota de gênero, estabelecida em lei eleitoral, nas eleições de 2020, que exige que cada partido ou coligação deve preencher o mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo.

Segundo a denúncia, feita pelo Movimento Democrático Brasileiro (MDB) de Paranavaí, o partido teria permitido a candidatura de Grazielle Cristina Martins de Almeida, então nora do vereador eleito Valmir Trossini, apenas para cumprir as formalidades exigidas pela lei, sem intenção de projetá-la nas discussões.

A decisão cita que o primeiro aspecto que chamou a atenção é que a mulher concorreu no mesmo cargo e no mesmo partido do sogro. Além disso, o documento afirma que, em suas publicações em redes sociais, Grazielle, sequer, citava a própria candidatura, fazendo propaganda somente para o sogro, inclusive pedindo votos apenas para ele.

O processo ainda diz que a então candidata recebeu uma quantia da cota do Fundo Especial de Financiamento de Campanha e a maior parte do recurso foi gasta com a contratação da própria mãe.

Por conta de todos os fatos, a Justiça Eleitoral determinou a ilegibilidade de Grazielle por oito anos, a partir das eleições de 2020. Já os dois vereadores eleitos pelo partido, Mancha da Saúde e Valmir Trossini, tiveram os mandatos cassados.

O juiz também declarou nulos todos os votos conferidos aos outros candidatos do partido, devendo-se proceder a recontagem total, com novo cálculo dos quocientes eleitoral e partidário, a fim de se reajustarem as cadeiras na Câmara dos Vereadores de Paranavaí, de acordo com os votos válidos.

O Portal da Cidade entrou em contato com os dois vereadores eleitos do PSB em Paranavaí, na manhã desta sexta-feira (4), porém, ambos informaram estarem em reunião com o advogado. O site aguarda o retorno com o posicionamento deles para saber se vão recorrer da decisão.



Fonte:

Receba as notícias de Paranavaí no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Outras notícias

data-matched-content-ui-type="image_stacked" data-matched-content-rows-num="2" data-matched-content-columns-num="3">