Portal da Cidade Paranavaí

Polícia Civil

Caminhão roubado com 16 toneladas de carnes é recuperado em Paranavaí

O roubo ocorreu na manhã de domingo (7), em Mauá da Serra. O motorista, de 26 anos, é de Paranavaí e foi preso nesta terça-feira (9).

Postado em 10/07/2019 às 11:02 |

(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um caminhão roubado com uma carga de carne de, aproximadamente, 16 toneladas, avaliadas em quase 168 mil reais, conforme nota fiscal, foi recuperado nesta terça-feira (9) pela Polícia Civil, no Jardim Morumbi, em Paranavaí.

Segundo a delegada que atendeu o caso, Fernanda Bertoco Mello, o caminhão, que saiu de Londrina (a 202 quilômetros de Paranavaí) e tinha como destino Santa Cruz do Sul/RS (a 1033 quilômetros de Paranavaí), foi roubado na manhã deste domingo (7), no trevo de Mauá da Serra (a 217 quilômetros de Paranavaí).

Em patrulhamento no Jardim Morumbi, a polícia percebeu que um caminhão transitava em alta velocidade na Avenida Gabriel Esperidião. Ao verificar a placa do veículo, constataram que existia um alerta de roubo. A polícia conta que foi dado voz de abordagem, mas o motorista, de 26 anos, desobedeceu.

A equipe policial perseguiu o veículo até um frigorifico desativado, momento em que o condutor, morador de Paranavaí, pulou do caminhão em movimento e correu para as matas do fundo da empresa. Ele foi encontrado e preso em um bar próximo ao hospital Santa Casa de Paranavaí.

Com a prisão do homem e recuperação do caminhão, ambos foram conduzidos à delegacia de Paranavaí, com apoio da Polícia Militar. Lá, o motorista afirmou que tinha recebido R$ 300 para pegar o caminhão em um barracão e levar até o Jardim Morumbi.

“Como ele não tem participação no roubo, mas estava transportado uma carga roubada, que é produto de crime, vai responder por crime de receptação. Agora ele está preso e à disposição do poder judiciário”, explica a delegada.

Ainda segundo boletim, o homem tem diversas passagem pela polícia por porte de arma de fogo, roubo e receptação. O responsável pela carga foi informado e já retirou o material.

Fonte:

Deixe seu comentário