Portal da Cidade Paranavaí

Opinião

Palmilhas posturais podem ser a solução para dores nos pés durante a corrida

O fisioterapeuta, Denis Graciotto, afirma que as palmilhas são soluções para prevenir e tratar lesões decorrentes das corridas.

Postado em 25/07/2019 às 08:10 |

Corrida é, sem dúvida, um dos esportes que mais cresceu nos últimos anos. Outra coisa que também vem aumentando é o número de indivíduos que procuram consultórios de ortopedistas e fisioterapeutas apresentando lesões, sejam elas leves ou graves, decorrentes da pisada errada durante essa prática esportiva.

(Foto: Reprodução/Site podotech)

Supondo que em uma corrida de 5km cada passo tenha, aproximadamente, 1 metro, significa que, durante esse percurso, o indivíduo dará, em média, cinco mil passos. Em cada pisada, sendo dividida 2.500 para cada pé, os dois juntos terão que suportar a carga de todo o corpo. Imaginem o esforço que isto significa.

Para que esse esforço não prejudique o corredor, o ideal é que cada esportista tenha um par de tênis feito sob medida, algo que ocorre com grandes atletas. Outra solução é o uso de palmilhas posturais.

Denis Rafael Graciotto entregando palmilhas feitas especificamente para o jogador da Seleção Brasileira, Miranda.

Diversos artigos científicos mostram que 80% da população apresenta diferença entre os pés. Mas o que as marcas esportivas oferecem são modelos com os dois pés idênticos. No entanto, sabemos que os pés não são iguais. O que pode ser bom para um, pode ser prejudicial para outro. 

Nenhum tênis é capaz de corrigir a pisada. Com o tempo de uso e somado à intensidade da corrida, o tênis cede e nada é suportado ou corrigido. Por isso é indicado o uso das palmilhas corretivas, visto que muitas lesões decorrem de alteração de pisada.

As palmilhas são feitas sob medida e adaptadas dentro do tênis utilizado para atividade esportiva, suportando alterações mesmo durante o movimento.

Tratamento

O tipo de tratamento irá variar de acordo com a queixa apresentada pelo paciente. A prescrição das palmilhas posturais começa após uma avaliação criteriosa da pisada. Para isso, é utilizada a baropodometria, uma avaliação computadorizada da pisada.

As lesões mais comuns que são identificadas nos pacientes são tendinite do tendão tibial posterior, fratura por estresse do calcâneo (osso que forma o tornozelo), tendinopatia dos tendões do pé e tornozelo, fascite plantar (‘fisgada’ na planta do pé), tendinite patelar (dor crônica no joelho) ou inflamação na canela, conhecida também como canelite.

Após avaliação e identificação do tipo de lesão, a palmilha é prescrita e confeccionada sob medida. Ela pode apresentar desde materiais para absorção de impacto, até elementos posturais para corrigir o modo de pisar.

Dependendo da avaliação, o indivíduo pode utilizar a palmilha somente quando corre e, se necessário, durante algumas horas por dia.


Sobre o especialista

O fisioterapeuta, Denis Rafael Graciotto (Crefito/8-63999-F), é especialista em fisioterapia ortopédica, traumatológica e desportiva. Tem formação em equilíbrio neuro muscular (França), podoposturologia (França), osteopatia (Escola de Osteopatia de Madri), Dry-Needling (Estados Unidos), terapia por ondas de choque e ozonioterapia. Pós-graduando em terapia ortomolecular. 

Acompanha o especialista pelas redes sociais: Facebook e Instagram.

Acesse o site: clique AQUI!

Serviço

Denis atende na Vitalitê Clínicas, localizada na Rua Salgado Filho, n° 1250, em Paranavaí.

Telefone: (44) 3062-2993.

WhatsApp: (44) 99965-6789.


Este conteúdo é de responsabilidade do colunista. As opiniões expressas nele não representam, necessariamente, as posições do Portal da Cidade Paranavaí.

Fonte:

Deixe seu comentário