Portal da Cidade Paranavaí

Opinião

Da fibromialgia ao diabetes: técnica ILIB é nova tecnologia a serviço da saúde

A técnica de Irradiação Intravascular do Sangue com Laser consiste na aplicação contínua e direta de laser terapêutico vermelho na região da artéria radial

Postado em 25/10/2018 às 08:02 |

(Foto: Portal da Cidade Paranavaí)

Aplicação do laser terapêutico vermelho. (Foto: Reprodução)

(Conteúdo Patrocinado)

Um novo tipo de laserterapia tem atraído a atenção de profissionais da saúde e pacientes pela sua eficácia no tratamento de várias patologias crônicas e agudas. Chamada de técnica ILIB (Irradiação Intravascular do Sangue com Laser, na tradução do inglês), essa novidade consiste na aplicação contínua e direta de laser terapêutico vermelho (na região da artéria radial) com a finalidade de combater os radicais livres de oxigênio, responsáveis pelo envelhecimento precoce das células e, consequentemente, dos tecidos.

Trata-se de uma nova opção terapêutica para combater doenças como Diabetes Mellitus, colesterol, hipertensão, artrite, artrose, doenças inflamatórias, dores crônicas, e dificuldade de cicatrização.


A técnica é feita com uma pulseira específica, onde se acopla o aparelho de laser em um dos membros superiores, irradiando o laser direta e continuamente, através da circulação sanguínea por todo o organismo, resultando em ativação celular, efeito antioxidante, ação anti-inflamatória e aumento da circulação sanguínea, que resulta na prevenção e tratamento de diversas doenças. Estes efeitos terapêuticos favorecem o rejuvenescimento, o bem-estar e a qualidade de vida.

É uma técnica indolor, não invasiva e sem efeitos colaterais. O número de sessões vai depender do objetivo do tratamento e da indicação para cada paciente. Geralmente, são recomendadas 10 sessões iniciais e, de acordo com a evolução do quadro clínico do paciente, pode-se iniciar uma nova série após um intervalo de 7 a 10 dias. As sessões são realizadas de 1 a 2 vezes por semana, dependendo do caso.

Pesquisas já revelaram que os radicais livres (RL) são produzidos continuamente no organismo a partir de reações bioquímicas, sendo a sua gênese a partir do oxigênio e seus derivados, e também de diversos metais, sendo eles responsáveis por danos no organismo. E para combater o efeito lesivo dos RL, o organismo lança mão de um sistema de defesa que utiliza enzimas, proteínas e compostos varredores, mas, dependendo do caso, esse sistema poderá́ ser insuficiente, necessitando de uma terapia medicamentosa auxiliar, para promover a manutenção da homeostase do organismo, podendo ser essa terapia de complementação ao déficit ou para promover a eliminação dos excessos.

Com base em trabalhos realizados com laser de He-Ne local, os russos a partir de 1970 desenvolveram a laserterapia intravenosa mostrando a sua eficácia no tratamento de várias patologias crônicas e agudas .

Com a observação da evolução clínica dos pacientes, pesquisas sobre o mecanismo de ação do ILIB foram intensificadas, evidenciando o efeito antioxidante da laserterapia intravenosa com He-Ne, por aumento da produção da enzima SOD (superóxido dismutase) fundamental à quebra do mecanismo de formação dos RL (radicais livres) gerados a partir do oxigênio, pois a produção do radical superóxido, o primeiro a ser formado a partir do oxigênio que servirá de substrato para o desencadeamento da formação de RL (radicais livres) mais lesivos, como o radical Hidroxila (OH).


Indicaçōes da terapia ILIB:

1) Doenças do sistema respiratório ( Asma, alterações desencadeadas pelo fumo);
2) Diabetes e sua complicações;
3) Doenças inflamatórias;
4) Doenças Cardiovasculares (infarto e angina);
5) Doenças do sistema vascular periférico e cicatrização em geral;
6) Prevenção de envelhecimento cutâneo e combate aos radicais livre

Benefícios do tratamento:

Aumenta a capacidade circulatória do sangue;
Combate aos radicais livres de oxigênio;
Melhora a oxigenação do sistema imunológico;
Melhora a performance metabólica do organismo;
Controle (redução) das sensibilidades dolorosas.Mecanismo de ação da terapia ILIB nas diferentes patologias

Mecanismo de ação da terapia ILIB nas diferentes patologias:

* Mecanismos de Ação do ILIB na patologia Cardiovascular

Baseado em inúmeros trabalhos científicos sobre a importância da enzima Superóxido Dismutase (SOD), as pesquisas realizadas com o ILIB comprovam a eficiência do método no tratamento das patologias isquêmicas, através dos seguintes efeitos biológicos.
1 - Aumento da capacidade fibrinolítica e diminuição da adesividade plaquetária, levando a uma diminuição da viscosidade sanguínea.
2 - Neovascularização, proporcionando maior perfusão tecidual.
3 - Aumento da capacidade hemorreológica das hemácias facilitando a passagem das mesmas nos capilares sanguíneos com diâmetro estreitado proporcionando oxigenação dos tecidos hipóxicos.

* Diabetes e Mecanismos de ação do ILIB

O laser He-Ne (ILIB) intravenoso atua de maneira antioxidante, promovendo aumento do nível da SOD (Superóxido Dismutase).

No pâncreas, a enzima SOD (Superóxido Dismutase) atua protegendo as células beta, evitando uma ruptura pela ação dos radicais livres sobre a desoxirribose do DNA.

Quando esse processo acontece, o organismo defende-se provocando uma depleção da NAD (Nicotinamida Adenina Dinucleotideo) para evitar destruição do açúcar e a inibição da síntese de pró-insulina.

Através do aumento de produção da SOD (Superóxido Dismutase) pelo laser He-Ne (ILIB) poderemos produzir uma restauração parcial da síntese de insulina, e minimizar a intensidade da agressão dos radicais livres sobre as células do pâncreas.

Outra ação terapêutica importante do ILIB dá-se no tratamento das alterações vasculares, responsáveis pela maioria das complicações que ocorrem no diabetes.

Ao evitar a formação do radical superóxido estaremos evitando a peroxidação lipídica, sobretudo evitando a oxidação do LDL (lipoproteína de baixa densidade), a mais suscetível no Diabetes.

Trabalhos de Armstrong e Al-Awadi correlacionam a peroxidação lipídica com o grau de severidade da retinopatia diabética.

Além disso, a irradiação pelo He-Ne promove diminuição da agregação plaquetária, vasodilatação e aumento da capacidade hemorreológica da hemácia.

Resumindo:

Benefícios da Laserterapia Sistêmica-ILIB no tratamento de Diabetes

Regula a produção de insulina proporcionando equilíbrio funcional do organismo

Melhora as propriedades físico-químicas das hemácias e o fluido sanguíneo

Restabelece todos os tecidos que sofrem com o diabetes de forma preventiva e curativa

Diminui a agregação plaquetária e promove vasodilatação

Melhora a cicatrização e hidratação da pele

Aumenta o nível de SOD (Superóxido Dismutase, enzima que atual pâncreas), protegendo e reduzindo o ataque às células beta do pâncreas

Otimiza a capacidade hemorreológica da hemácia e aumenta sua eficácia

Ação Antioxidante: Protege as células sadias contra a ação oxidante dos radicais livres

Aumenta significativamente a microcirculação sanguínea periférica

Evita a peroxidação lipídica, sobretudo a oxidação do LDL (lipoproteína de baixa densidade)

Inflamação e Mecanismo de Ação do ILIB

A explicação do mecanismo de ação torna-se bastante simples e evidente uma vez que a patogênese é extremamente clara ( isquemia-reperfusão e explosão respiratória).
O Laser He-Ne intravenoso estimula a produção da enzima antioxidante Superóxido Dismutase, em função dessa propriedade, atua nos processos inflamatórios, neutralizando os radicais superóxido e evitando os danos causados pelos fenômenos de isquemia-reperfusão e explosão respiratória.


Serviço

O Dr. Denis Rafael Graciotto atende na Vitalitê Clínicas - Centro de Terapia Regenerativa e Tratamento da Dor, que fica na Rua Salgado Filho, 1250. Telefone: (44)  3062-2993. 


Fale com Dr. Denis pelo Whats App ou Redes Sociais: Facebook e Instagram.


Denis Rafael Graciotto é:

Fisioterapeuta

Especialista em fisioterapia ortopédica, traumatológica e desportiva.

Pós-Graduando em terapia ortomolecular

Formação em equilíbrio neuro muscular - França

Formação em podoposturologia - França

Formação em osteopatia - Escola de Osteopatia de Madri

Formação em Dry-Needling - EUA

Formação em terapia por ondas de choque

Formação em Ozonioterapia


Este texto é de total responsabilidade do colunista. As opiniões expressas nele não representam as posições do Portal da Cidade Paranavaí

 

Fonte:

Deixe seu comentário