Portal da Cidade Paranavaí

Opinião

Ciclo irregular ou atrasado? Entenda quais podem ser as causas

A ginecologista e obstetra, Nara Chiamulera, conta que é ideal a mulher conhecer seu ciclo e, caso esteja irregular, o correto é investigar o motivo.

Postado em 09/07/2019 às 08:10 |

(Conteúdo Patrocinado)

É fundamental a mulher conhecer seu ciclo. Saber qual é o intervalo de dias entre uma menstruação e outra. Quantos dias dura o fluxo sanguíneo e quais os sintomas presentes nestes períodos.

Para este conhecimento, o ideal é observar o ciclo por, pelo menos, seis meses e anotar as datas em uma agenda ou por meio de aplicativos que auxiliem nesse monitoramento.

(Foto: Reprodução/Site delas.ig)

Muitas mulheres se queixam de ciclos irregulares. Um dos exemplos é quando a menstruação vem duas vezes no mês ou quando a mulher passa mais de 30 dias sem menstruar, com queixas acompanhadas de cólicas, acne e fluxo aumentado.

Por conta disso, algumas optam por iniciar, precocemente, o uso de contraceptivos hormonais para ponderar estes sintomas. O uso dessas pílulas permanece por anos em ciclos não ovulatórios e, consequentemente, sem período fértil.

Quando a mulher decide ficar sem a pílula, não conhece ou não lembra dos ciclos ovulatórios e fica confusa com todos os sinais e sintomas que aparecem.

Entenda

Se o ciclo é regular, significa que a mulher está ovulando, ou seja, vêm menstruação todos os meses, com intervalo e fluxo corretos. Esse é um dos principais indicadores de que ela está saudável. Quando alguma coisa diferente acontece, algo pode estar errado.

(Foto: Reprodução/Site bolsablindada)

Quando um ciclo é regular?

  • O intervalo menstrual é de 25 a 35 dias. Se ela menstruar no dia 1 e seu ciclo for de 25 dias, provavelmente sua menstruação virá no dia 26 do mesmo mês. Isso é completamente normal;
  • O fluxo sanguíneo pode durar de 3 a 7 dias;
  • A perda sanguínea é de 30 a 80 mililitro de sangue;
  • Cólicas são comuns, mas caso sejam muito fortes, associadas a náuseas e impedindo que a mulher pratique suas atividades diárias, deve ser investigada, principalmente por conta da hipótese de endometriose;

Quando um ciclo é irregular?

Neste caso, ele poderá ser de fluxo sanguíneo excessivo, intermediário ou anovulatório e com ausência da menstruação.

A primeira hipótese para a menstruação não vim é a gravidez, geralmente é o que a maioria das mulheres imaginam e já correm investigar. Mas e quando o resultado é negativo e mesmo assim “ela” não vem, o que devemos pensar?

Causas para a mulher não menstruar:

  1. Síndrome dos ovários policísticos;
  2. Obesidade;
  3. Magreza excessiva ou má nutrição;
  4. Estresse e ansiedade;
  5. Uso inadequado da pílula;
  6. Excesso de atividade física;
  7. Problemas na tireoide;
  8. Tumores renais e ovarianos;
  9. Amamentação;
  10. Primeiros 2/3 anos de menstruação da vida da adolescente, pela imaturidade do eixo hormonal;
  11. Climatério (pré-menopausa).

(Foto: Reprodução/Site robertofrancodoamaral)

É importante que toda mudança no ciclo menstrual seja comunicada ao seu ginecologista e, caso esteja com um ciclo irregular, é correto iniciar uma investigação, pois devemos descartar todas as condições médicas que possa atribuir a falta de menstruação à problemas simples, como ansiedade e estresse.


Sobre a Especialista

Nara Chiamulera é ginecologista e obstetra (CRM/PR: 31.042 - RQE: 20313). Trabalha com pré-natal, parto humanizado e puerpério, anticoncepção, inserção de DIU/Mirena, implantes hormonais, cirurgia cosmética ginecológica e saúde sexual.

Serviço

A ginecologista e obstetra, Nara Chiamulera, atende na Clínica Humaniter, localizada na Rua Amapá, n° 1800, em Paranavaí.

Telefone: (44) 3423-5969

Acompanhe a especialista pelas redes sociais: Instagram e Facebook.

 

Este texto é de total responsabilidade da colunista. As opiniões expressas nele não representam, necessariamente, as posições do Portal da Cidade Paranavaí.

Fonte:

Deixe seu comentário