Portal da Cidade Paranavaí

Palavra da Expert

Saiba qual a importância do Plano de Prevenção à dengue para empresas

Desde 2011, uma resolução da Secretaria Estadual de Saúde, exige que alguns estabelecimentos tenham o Plano de Prevenção e Controle da Dengue (PGPCD)

Postado em 19/04/2021 às 09:41 |

Equipe Pacto Ambiental Consultoria: Natan Silva (Analista Ambiental), Thiago Neves (Analista Ambiental) e Débora Paiva (Diretora Executiva). (Foto: Pacto Ambiental Consultoria)

|Conteúdo patrocinado|

A Dengue é uma doença que todos os anos atinge milhares de pessoas, causa mortes e muitos prejuízos para a saúde pública. Desde o início do  período epidemiológico, que começou em agosto de 2020, até o último boletim divulgado no dia 13 de abril, mais de 8,5 mil casos de dengue e 18 mortes pela doença foram registrados no Paraná. Somente em Paranavaí, 118 pessoas já tiveram dengue neste período.

Para amenizar o problema e diminuir a proliferação da doença, o cuidado em casas, empresas e indústria é fundamental. No Paraná, desde 2011, a resolução nº 029/2011 da Secretaria Estadual de Saúde (SESA), exige que alguns estabelecimentos tenham um Plano de Gerenciamento para Prevenção e Controle da Dengue (PGPCD). Quem não cumpre a norma está cometendo infração sanitária, que pode ser punida com advertência, multa, interdição, cassação da licença sanitária, cancelamento de autorização de funcionamento e outros, dependendo do caso.



LEIA TAMBÉM:

Saiba o que é e como obter o Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos


De acordo com a Diretora Executiva da Pacto Ambiental Consultoria, Débora Paiva, empresa especializada em gestão e consultoria ambiental, em Paranavaí e região, a Vigilância Sanitária tem notificado vários estabelecimentos que não seguem a norma, para que apresentem o plano.

Débora Paiva, Diretora Executiva da Pacto Ambiental Consultoria

Palavra da Expert

"O Plano de Gerenciamento para Prevenção e Controle da Dengue (PGPCD) trabalha desde a limpeza do local e armazenamento de resíduos, até o estabelecimento de metodologias para evitar a proliferação do mosquito, com base na realidade da empresa. Ele é necessário para estabelecimentos como oficinas mecânicas, indústrias, fábricas, postos de combustíveis e outras empresas que tenham pátios, espaços maiores, que possam ter criadouros do mosquito."

Débora Paiva, Diretora Executiva da Pacto Ambiental Consultoria

 

Débora explica que não é qualquer pessoa que pode realizar esse plano, pois o documento necessita de uma anotação de reponsabilidade técnica. Os analistas ambientais da Pacto Ambiental Consultoria, são habilitados para elaborar esse tipo de plano para os estabelecimentos.

"Nós vamos até a empresa, fazemos uma vistoria, para visualizar a situação, ver o que é necessário, elaboramos o documento, que é protocolado na Vigilância Sanitária de Paranavaí para aprovação e, sendo aprovado, fazemos uma reunião com os funcionários da empresa para orientar como será o processo para as adequações previstas no plano", salienta a especialista.


Ela ressalta que, com a adoção das medidas estipuladas pelo documento, a empresa consegue diminuir a proliferação do Aedes Aegypti e ameniza um grande problema de saúde pública.

"Todos os anos, em Paranavaí e região, sabemos  que os índices da dengue são altos. A implantação do plano traz benefícios para a empresa, pois ela mostra que tem responsabilidade ambiental e social, colaborando para evitar a proliferação da dengue, e ao mesmo tempo para toda a comunidade, pois terá menos pessoas doentes, economia dos cofres público e menor gasto com saúde. Envolve toda uma questão econômica e social", finaliza.


Faça o seu PGPCD com a Pacto Ambiental Consultoria. A empresa trabalha com Elaboração de planos e consultoria ambiental para empresas e prefeituras de Paranavaí e região.

Telefone: (44) 3900-0550

WhatsApp: 44 98838-3191

Endereço: Rua Antônio José da Silva 1516, Jardim Aeroporto - Paranavaí.

E-mail: pactoambientalconsult@gmail.com

Saiba mais pelas redes sociais: Facebook e Instagram.

Fonte:

Receba as notícias de Paranavaí no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Outras notícias

data-matched-content-ui-type="image_stacked" data-matched-content-rows-num="2" data-matched-content-columns-num="3">