Portal da Cidade Paranavaí

Próxima semana

Paranavaí pode registrar uma das ondas de frio mais intensas dos últimos anos

O Meteorologista Renã Moreira Araújo explica que o frio esperado para a próxima semana é comparável ao registrado em 2013, quando houve neve no Paraná

Postado em 23/07/2021 às 23:52 |

Geadas podem ocorrer na próxima quinta (29) e sexta-feira (30). (Foto: AEN)

Uma forte onda de frio deve atingir Paranavaí na próxima semana. De acordo com o Instituto meteorológico Metsul, um dos principais geradores de informação meteorológica do Conesul, uma massa de ar frio de origem polar de grande intensidade vai invadir o Brasil.

Modelos numéricos analisados pela Metsul indicam que será uma erupção de ar gelado muito intensa, mais forte que a do último mês de junho e a desta semana, e em alguns momentos chegam a sinalizar uma onda polar de grande força.

O Portal da Cidade conversou com o Meteorologista Renã Moreira Araújo, que atua como consultor agrometeorológico e também é professor Universitário em Paranavaí. O especialista, que se dedica à estudar o clima na região e os impactos sobre a agricultura, afirma, que as análises sugerem uma semana de frio muito intenso em Paranavaí e região, comparável ao ocorreu em 2013, quando várias cidades do Paraná tiveram até registros de neve.

Renã Moreira Araújo, Agrometeorologista

Frio intenso e geada

"A frente fria chegará entre terça-feira (27) e quarta-feira (28) e poderá trazer chuva. Após ela, a massa polar ingressa na região derrubando as temperaturas a partir de quarta. Por enquanto, o Simepar [Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná] tem apontado mínima de 3°C na sexta-feira como a menor temperatura da semana. Já o Climatempo tem apontado 0°C. Então, com certeza teremos geada novamente, que podem ocorrer tanto na quinta (29), quanto na sexta (30), e mais intensa do que as que aconteceram este ano. No domingo (1º), as temperaturas máximas já voltam a atingir os 20°C e não teremos mais risco de geada"

Renã Moreira Araújo, Agrometeorologista

 

Orientações aos agricultores

O agrometeorologista ainda orienta os produtores de hortaliças que não têm estufas ou proteção para as plantas, a irrigarem por aspersão as folhas de verduras para não deixar acumular a camada de gelo. "É recomendado irrigar a noite inteira, no dia que está prevista a geada e não parar quando amanhecer o dia. Tem que continuar até que o sol realmente apareça e não tenha o risco de congelar as folhas", explica.

Já a recomendação para os plantios novos de café, com até seis meses de campo, é enterrar as mudas. Viveiros devem ser protegidos com várias camadas de cobertura plástica ou aquecimento, com a opção de adotar as duas práticas simultaneamente.

Nos dois casos, lavouras novas e viveiros, a proteção deve ser retirada logo que a massa de ar frio se afastar e cessar o risco imediato de geada. Nas lavouras com idade entre seis meses e dois anos, a recomendação aos produtores é amontoar terra no tronco das plantas até o primeiro par de folhas. Essa proteção deve ser mantida até meados setembro, e depois retirada com as mãos.


Fonte:

Receba as notícias de Paranavaí no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Outras notícias